segunda-feira, 29 de junho de 2009

Falando SÉRIO!

Olha a gente aí!! =/


Oi gente!! Hoje vim falar sério.
Como já disse anteriormente, sou formada em Direito, faço estágio num escritório e semana passada aconteceu uma coisa que me deixou revoltada!
Fui numa Vara Federal tentar ver um processo de um cliente que teve inicio no final de 2007 e qual foi minha surpresa quando cheguei no cartório e o atendente me disse que o processo estava concluso, agora pasmem, desde novembro de 2008. Como pode um processo ficar concluso por 7 meses?!
Para quem não sabe, concluso é quando o processo se encontra no gabinete do juiz para que ele dê despachos, sentenças... dê andamento ao processo.
Agora, pior do que descobrir que o processo estava concluso com juiz, foi descobrir que o juiz anterior que pegou o processo não fez nada nele, não deu andamento nenhum. O processo ainda estava na fase inicial, no despacho inicial, concluso para que o juiz despachasse sobre o que o anterior tinha pedido, era uma perícia, e ainda com data a ser marcada caso o despacho fosse ratificado.
Como um processo podia demorar tanto?!
Aí, ainda teremos que esperar uns, pelo menos, 3 meses para que se consiga data para perícia e até seu resultado mais um mês ou dois.
Olhem só, se o juiz que pegou o processo no inicio tivesse feito o que deveria fazer, sim, pois no cartório fui informada que o juiz pegou o processo e ficou com ele parado no gabinete sem fazer nada e o pessoal do cartório só descobriu isso pq no dia da inspeção acharam “ ao acaso” esse processo no meio de outros. Então, talvez se ele tivesse feito o que é pago para fazer, já teríamos sentença, já estaria tudo resolvido e seria menos um processo que não estaria mais abarrotando as prateleiras no judiciário.
Reclamamos muito que a justiça não anda pq é cheia de burocracia, sim, concordo com isso também, mas há os casos como este aqui que não andam pq os nossos juizes, que recebem um salário de no mínimo R$ 12.0000,00, isso bem por baixo, não fazem o que deveriam. E, se é pq existem processos de mais e juizes de menos, que eles peçam que seja realizado novo concurso para contratação de mais pessoal. Senão, o que fica parecendo é que eles não querem é trabalhar. E não acho nada justo o Mmº que ganha esse salário muitas vezes exorbitante chegar no fim do mês e recebe-lo enquanto tantas outras pessoas que recebem 1 salario mínimo (e que na maioria das vezes são as que buscam a justiça – Federal- para desbloquearem o que o INSS bloqueou) fiquem sem o seu rendimento pq o digníssimo juiz não teve tempo (ou não quis ter) de dar andamento ao seu processo, que acabou “perdido” no cartório e que se arrasta lentamente por já 2 anos! E que vai se arrastar sabe-se lá por mais quanto tempo! Isso é um ABSURDO!!!
E nós, estagiários, advogados e pessoas comuns temos que começar a lutar pelos nossos direitos e deixar de ficar calados perante esse DESCASO dos membros do judiciário.

domingo, 28 de junho de 2009

quinta-feira, 25 de junho de 2009

Sem sentido sempre!

Isso faz sentido pra vc? hehe


Quando eu resolvi criar esse blog eu me perguntei sobre o que queria falar, sobre o que eu iria falar. Resposta: não tive! Eu queria poder falar de tudo. Ser séria. Ser irônica. Não ser séria nunca. Ser engraçada. Só queria poder escrever sobre o que tivesse vontade e dividir com quem estivesse afim de ler. Não queria (e nem quero ainda!) fazer sentido. Não queria ter coerência. Não queria ter preconceitos: Esse assunto vale a pena, esse não. Mentira! Para mim todos os assuntos são válidos e tem a mesma importância!
Quero falar de bobeiras e de assuntos discutidos por “Grandes Pensadores” também. Quero fazer meus próprios “assuntos”. Quero fazer arte! Arte mesmo, no sentido de bagunça!
Aliás, (ao meu ver) os melhores artistas são aqueles que deixam suas confusões bem interiores virem à tona. Transformando seus medos, suas dúvidas, seus amores, suas alegrias, suas tristezas, suas conquistas, tudo junto e misturado, bem misturado mesmo, em arte, objeto de apreciação de outros inúmeros seres humanos tão cheios de tudo isso como o artista é.
Sem pretensões de ser uma artista. Tão pouco reconhecida! hehe... Sou daquelas que preferem pensar “O que vier é lucro” a se tornar um ser frustrado só pq ninguém se importou com o que estava mostrando. Faço tudo para meu próprio deleite. E não me importo se “ta todo mundo nem aí”. Van Gogh também não tinha fãs! (risos)
E é isso que tenho feito. Colocado tudo pra fora!
Quero ter liberdade aqui. Por isso mudo, mexo aqui, remexo. Troco o nome do blog toda hora. E vou continuar assim. Cada dia penso de um jeito. Então pra cada pensamento um nome novo! Um blog novo!
Não quero fazer sentido né, foi isso que eu disse lá no início disso tudo... mas olha eu aqui dando explicações. Isso não é querer fazer sentido?! Não sei ! Quem se importa? Eu não!
=)

Somos seres confusos. Sem sentido. Nossa natureza é mista. Ampla. Não tente encontrar uma resposta para o que pode ter inúmeras. Pare de tentar se definir. Se colocar arestas. Seja de um jeito novo todo dia. Permita-se criar um outro “você” todas as manhãs. Somente os tolos tentam ser os mesmos sempre. Os inteligentes se adaptam. Mantenha a essência, mas o resto, ah, o resto não importa! Só pare de tentar achar limites! De querer colocar limites! Cada novo dia vem com novas situações e oportunidades e com cada uma delas inúmeras novas possibilidades. Viva!
Dica: Assistam ao filme "O curioso caso de Benjamin Button"! Muito bom!

segunda-feira, 22 de junho de 2009

"Sete Vidas"

Mais uma foto "By Ariane Schirm"

Esse aí é o Jimmy, um dos meus modelos e o gato do Bruno (meu namorado!) nas horas vagas... hehe
E quando escolhi essa foto para ilustração dessa postagem não foi a toa, pois dizem que os gatos têem sete vidas né, mas não é de gatos que quero falar não. É do novo filme do Will Smith, “Sete Vidas”. Não se trata de somente mais um filme de grande bilheteria. Nem de mais um filme com um super astro “hollywoodiano”. Não! Vai muito além disso. Não se trata de um filme sobre amor. Sim, fala de amor.Mas é um amor que vai mais longe que o amor entre um homem e uma mulher, ou entre pais e filhos, entre irmãos, esse amor vai aquém da culpa que um homem pode carregar e do que ele pode fazer pra se redimir de seus “erros” do passado. Mostra como o desespero, diante da culpa e da dor, de um homem pode leva-lo a se tornar um ser sublime. O final não é nada surpreendente, pelo contrario, é absolutamente previsível, mas é exatamente aí que está a beleza do filme, sua alma. “Sete Vidas” te faz pensar que o amor de verdade pode transcender a felicidade em se viver ao lado dos que amamos!
Assistam! Vale a pena!

domingo, 21 de junho de 2009

Fotografados! ( I )




Amo foto!! Como hoje não estou muito afim de ficar falando (Um milagre? Não! Estaria eu doente? Sim! hehe) aí está uma das minhas fotos... E assim vai ser, quando eu não estiver afim de "escrever" vou postar fotos, minhas ou de outras pessoas que eu ache interessante!

Quem quiser ver mais:

http://www.orkut.com.br/Main#Album.aspx?uid=18387219538876589357&aid=1237556323

bjs!

sexta-feira, 19 de junho de 2009

"Enquanto a gente luta por alguém a gente fica sem ninguém!"


Oi gente, Tudo bem?? Espero que sim!!
Olha eu aqui de novo!! E não é pra fazer propaganda de dupla sertaneja não hein!!
Nada contra elas, pelo contrário, sou bem eclética quanto à música e até gosto de sertanejo sim... mas não é isso não. É que eu há uns dias resolvi diversificar minha lista de músicas no mp4 e criei uma pasta com sertanejo, gênero muito escutado pelo meu irmão que faz veterinária. Sabe como é né, a pessoa começa a fazer veterinária e já se acha um peão nato!! Hauhauahau... mas eu não estou aqui pra falar dele não!
Então, estava eu escutando minha nova pasta musical e me deparei com esse verso aí de cima numa das músicas. E sabe quando você já ouviu a música umas quinhentas vezes mas nunca prestou atenção no que ela dizia?! Esse verso aí me chamou atenção...
E não é que é verdade mesmo o que ele diz?? Ô cara sábio o que fez essa letra! Caramba... Já parou pra pensar nisso?? Quantas vezes você quis tanto alguém que não servia mais ninguém e no fim das contas acabou desistindo e ficando foi sem ninguém?!
(Pareceu meio complicada essa frase né?!)
Todo mundo já passou por isso, gostar de quem não gosta da gente! E aí começa aquela história do “tem que ser ele”... “eu vou lutar e vou conquistá-lo”... olha, parabéns pros que conseguiram, pq vocês são raridades! Na maioria das vezes não se consegue nada e além de ter ficado aquele tempo todo que se passou “tentando” sozinho, no fim das contas você ta mais sozinho ainda, sem “aquele” e sem nenhum! Somos idiotas né... Não é muito mais fácil gostar de quem gosta da gente?! Mas se isso for pedir muito, pelo menos lutar por “aquele” porém tendo um “escape” de reserva, uma segunda opção. Mas por favor que esta seja de fácil acesso! Pq pelo amor de Deus, duas opções difíceis é de mais! Vamos facilitar... queira quem te quer, vc sofrerá menos, passará menos tempo sozinho e além de tudo, fará a felicidade dessa pessoa. Pq senão olha a bagunça:
João luta por Maria, que luta por Carlos, que luta por Francisca, que luta por Miguel, que luta por Rodrigo (todos por um mundo livre de preconceitos por favor!), que luta por Janaína, que luta por... e assim vai...
Muito mais fácil assim: João luta por Maria que aceita de cara o que ele pode lhe oferecer!
Ou então: João não luta por ninguém pq ele está bem sozinho e muito feliz, obrigado!
Vamos parar de querer quem não quer a gente e ficar com quem gosta da gente! Ou então sair por aí cantando “Eu sou de todo mundo e todo mundo é meu tbm, to te querendo!”. Chega dessa história de sofrer sozinho pelo amor de quem não ta nem aí pro que estamos sentindo! E eles não tem que ligar mesmo não! O que sentimos é problema nosso! E de mais ninguém! A gente é que tem que deixar de ser burro, pq só o burro que não consegue olhar pro lado e ver que ta cheio de gente (até muito mais) legal do que aquela que só temos nos nossos sonhos! Imagina quantas pessoas seriam mais felizes se fizessem isso?? Que tal vc aí que está nessa situação fazer isso? AGORA!

=) Boa sorte!
Ps: esse daí da foto não está disponível não!! hehe

quinta-feira, 11 de junho de 2009

"Troco 1 ponto final por 3" (II)


Minha priminha, que “horas” atrás eu tomava conta e que batia na minha cintura, e que agora já é uma mulher, me “deu” uma boa idéia para postar aqui!!
Ela, que também tem um blog, resolveu postar um texto com o título “Troco um ponto final por três pontos finais”, vendo esse título, eu comecei a pensar sobre o assunto... e me dei conta que também tenho o costume de fazer isso. Alias, eu troco vírgula também por três pontos finais! E pq faço isso?? Cheguei a seguinte conclusão:
Não se trata de ser melhor esteticamente, ou caso de pontuação gramatical correta.
Não!
Eu faço isso pq colocar três pontos finais dá margem pra uma continuação sobre o assunto que não vai terminar com o meu único ponto final! Acho que é pq eu gosto de ter liberdade pra pensar e 1 único ponto final dá impressão de estagnação ali, naquele ponto. O pensamento só pode existir até ali. Nada mais. E isso me reprime. Por isso gosto tanto de colocar 3 pontos finais, pra assim, eu ou qualquer outra pessoa que estiver lendo, ter a liberdade de pensar além daquilo que está escrito, poder usar a imaginação, seguir em frente sem que o “ponto” lhe diga onde tem que parar...
Mas aí, pensando nisso, vi também que existe um outro ponto muito interessante, que é o de exclamação (!), quanto sentimento de êxtase e prazer ele exprime quando o usamos! Ele sempre nos vem a mente quando a ideia é realmente boa! Muito boa! E quando queremos dar ênfase no que estamos escrevendo... Como ele chama a atenção...
Não te dá uma verdadeira sensação de estar colocando todas as suas emoções naquela frase quando termina com um “sonoro” (aos olhos) ponto de exclamação?!
Na verdade ando meio viciada nesse tal ponto (!). Acho que é uma fase da minha vida...
Sei lá...

Mas continuarei, sempre que der, trocando 1 ponto final por 3 !
E tenho dito! Não me venham com essa história de “bloqueio” de pensamento!

(Homenagem à Lívia Oliveira – promessa cumprida hein!!)

terça-feira, 9 de junho de 2009

Princípes e Princesas!



Todo dia vejo ou escuto alguma mulher que ainda espera o tão famoso "P.E.", vulgo Princípe Encantado! Mas não é daqueles de contos de fadas não, Louro, olhos azuis, montado no cavalo branco... Não! É, em geral um muito mais difícil de ser encontrado, posto que é o tão sonhado genro que a mamãe pediu pra Deus.

Lindo, bem sucedido no trabalho (rico), cozinha bem, atencioso, romantico, bom de cama, e com todas aquelas inúmeras qualidades que elas sempre sonham e, ainda por cima, isentos de qualquer semelhança com qualquer outro namorado que já tenham tido e isento de defeitos. Mas vem cá, todas sabemos que é impossível alguém ter metade das qualidades que procuramos em um homem, quanto mais todas! E é igualmente impossível um ser isento de pelo menos um defeitinho que seja. Então, pq ainda se tem tanta procura por esse ser inanimado, o tal do P.E.?!

Princípes e princesas só nas lembranças de cada um!

Até pq, sabemos muito bem que eles não existem!! Todos somos sapos na nossa intimidade!! Ou será que vc se acha uma princesa?

É linda? Rica? Gostosa? (Digo, sarada e sem nenhuma celulite!) Inteligente? E interessante? (Pq geralmete gente muito inteligente é pretenciosa e um saco de se conversar, entende de tudo, sabe de tudo, está sempre certa! Arg!) Não ronca? Não tem unha encravada? Não faz escova nos cabelos? É a Sr. Sexomaravilhoso? (Faz todas aquelas posições que nem a melhor das ginastas teria tanta flexibilidade para colocar em prática!) Nada de ciumes? (hahaha)... tá vendo, nem vc consegue ser perfeita, ainda quer que o coitado do P.E. que Deus escolheu pra vc seja! E ai do coitado se não for, vc transforma ele nem que seja na base da tortura ( e medieval, diga-se de passagem).

Então mulher, deixa essa história de P.E. ideal, olha pra esse aí do seu lado, ele pode não ser lindo, pode ter aquela barriguinha de chopp, pode não ter carro, pode ter um filho pentelho de 10 anos que vc vai ter que aguentar aos fins de semana, mas foi o melhor que o cara lá de cima, o da distribuição, pôde te arrumar!! Os tempos estão difíceis!! A crise tá aí e chegou pra vc tbm!! Nada é perfeito! Se estiver muito ruim, cata a bandeira do Brasil, joga por cima dele e corre pro abraço!! Só não pode é deixar de viver e ser feliz pq seu P.E. não é do seu número! Seja criativa! Use a imaginação!

segunda-feira, 8 de junho de 2009

Destino ou acaso !?






Vocês já pararam pra pensar nessa história de destino e acaso?! Pois é, com muita frequencia tenho pensado nisso, principalmente em relação à minha profissão. Eu nunca quis fazer Direito! Mas pq diabos então eu terminei?

-Destino!! - Vem aquela pequenina voz e berra aos meu ouvidos!!

Época de vestibular, queria muito fazer comunicação (aliás, um dos motivos desse blog existitr é isso!), tentei e tentei, mas não passei, eu tinha que fazer uma federal !! Resolvi tentar outras coisas, como psicologia, relações sociais, artes... Nada! Nada deu certo!! Advinhem, nem vestibular eu fiz pra direito, passei com a nota daquele "bendito" Enem... nem a inscrição fui eu quem fiz, meu pai, ele sempre soube que eu seria "advogada". Passei 5 anos na faculdade, acreditem se quiserem, nunca tirei nenhuma nota baixa, nenhuma matéria em dependencia durante TODA a faculdade, mas também nunca fiz nenhum esforço para isso (as notas boas), via tanta gente que levava mais jeito pra coisa do que eu (e que queria aquilo alí muito mais do que eu) se ferrar, mesmo com todos os esforços que faziam pra se dar bem, e eu sem nenhum me safar! E aí eu pergunto de novo, o que é isso senão DESTINO?!

Não que eu não goste do que faço, até me sinto feliz quando consigo ajudar alguém com meu "dom"... pq afinal de contas, parece que eu já nasci predestinada à isso, estava escrito pelo Destino! As vezes me sinto até meio que um "caso sobrenatural", sendo levada pelo mundo jurídico por uma espécie de "premonição", sim, pq eu não sou uma estudiosa afinca das leis, mas incrivelmente acerto com uma frequência fora do normal, faço quase que instintivamente!

Mas a questão que sempre me vem à cabeça é, pq logo Direito? Todos acham que advogado é ladrão, mentiroso, corrupto, e um monte de outros adjetivos que não vem ao caso, mas que não são nada bons! Será que eu sou assim?? Ai meu Deus, pq se eu for, preciso de tratamento urgente! Se algum terapeuta ler este post um dia e quiser me ajudar, por favor, entre em contato, pq agora, além de uma dúvida acerca da irreverência do destino, eu também tenho um tralma que acaba de ser desenvolvido! Pq se eu tenho todas essas características que as pessoas dizem que são natas de um advogado, eu sou uma pessoa horrível, de péssima índole, capaz de qq coisa para ganhar uma causa! Ai ai, eu não tô bem, vim escrever sobre o destino e acabei descobrindo que posso ser uma das piores criaturas do mundo!! Deus me ajude, não, melhor, um TERAPEUTA me ajude!

Mas, voltando ao caso do destino e da sua escolha para mim...

Além de tudo, ô profissãozinha ingrata, o caso pode não ter solução, mas o seu cliente acha que vc é mágico, faz milagres! E quando vc diz que não dá, até mesmo pra ser honesto com ele e não lhe arracar dinheiro atoa, pq tentar a gente pode, já chegar a ter resultado satisfatório é outra história, (olha, eu ainda tenho solução! Posso não ser tão ruim quanto imaginava! Ou então, sou tão anormal que devia ser estudada pelos cientista de todo o mundo como uma anomalia humana : advogada honesta! Caso raro! ) ele te xinga, vc e toda a sua família, quase te bate! E ainda se acha com a razão!

De novo eu volto a paranormalidade, pq a única explicação que eu acho para o destino me pregar essa peça, me fazendo ser advogada é :

Eu fui uma péssima pessoa na outra vida e to sendo castigada nessa!!

Só pode!

Mas tudo bem, vai ver, qd eu terminar essa "jornada" eu serei canonizada, vão pensar:

- Coitada, essa daí penou. Nasceu advogada!

Pelo menos esse fim o destino podia me dar em troca pela peça engraçada que ele pregou em mim!

=)

domingo, 7 de junho de 2009

Finalidade.

Essa aí de cima sou eu! Prazer!

Resolvi criar um blog (este!) para poder escrever de tudo um pouco, falar de qualquer coisa que me venha à cabeça, interessante ou fútil... tanto faz!

Achei que era hora de dividir com alguém (vocês) os meus pensamentos! Pq minha família, meus amigos, namorado, já estão cansados de ouvir minhas teorias malucas. Então decidi que era hora de expandir!! hehe

Vamos ver no que vai dar... Espero que pelo menos uma pessoa venha aqui, leia, goste (ou não!), pq se pelo menos uma pessoa passar por aqui e gostar, já vou ficar satisfeita. Afinal, não posso agradar a todos!

Tenham paciência, é a minha primeira vez, e como todas as "primeiras vezes" que existem por aí, pode ser desastrosa, dolorosa, chata, estranha... vcs podem nem querer ter essa experiência de novo. Mas não! Por favor, não! Não desistam! Tentem voltar só mais uma vez (ou duas) ! Prometo que tentarei ser melhor! Mais interessante!

E aos que, por acaso, já gostarem logo na primeira vez, voltem sempre! Sempre mesmo! E façam propaganda! Falem pros amigos e até pros inimigos!

E deixem um comentariozinho pelo menos dando sua opnião, mesmo que não tenham gostado, eu aguento as criticas! E os xingamentos (ah, nada de palavrão! deixe subentendido por favor! Crianças e adolecentes podem estar lendo!) !

A idéia não é falar sério sempre!

Sejam bem vindos! E sugestões de assuntos também são sempre bem vindas hein genteeee!!
Espero que se divirtam!